Hallo Leute, 🙂

Hoje vou sair um pouco dos temas de gramática para tratar de um assunto que impacta professores e alunos – Como aproveitar bem a tecnologia para aprender alemão?

Não há dúvidas de que a tecnologia nos traz um milhão de facilidades – nossos alunos podem ver vídeos reais sobre a Alemanha, pesquisar sobre qualquer assunto na Internet, ter amigos alemães e conversar com eles por escrito, ao vivo por Skype, trocar mensagens por celular, ouvir rádio alemã, tirar dúvidas sobre vocabulário e assim por diante. As aulas podem ficar muito mais interessantes, dinâmicas e o aprendizado pode ser mais completo.

No entanto, apesar da tecnologia trazer facilidades, temos que ser estratégicos em como usar todo esse material. Ajuda demais pode atrapalhar!

Ouço todos os anos inúmeros professores reclamando dos alunos estarem constantemente no celular, não conseguirem ler um texto até o final sem o auxilio da internet, ou fazer uma tarefa simples com apenas lápis, papel e a cabeça.

Será que os professores estão apenas sendo chatos e arcaicos ou existe alguma preocupação didática por trás disso? Qual o problema de os alunos olharem constantemente no celular durante a aula e ao fazer as tarefas? Por que o professor quer controlar o uso do celular? Eu hein, não sou mais criança!

Pois é, sou uma entusiasta da tecnologia, mas também concordo com os professores de que o celular deve ter limite para uso. Imagine que você está na Alemanha, precisa de uma informação. Você para uma pessoa na rua e vai perguntar, mas no meio da frase você se lembra que não sabe uma determinada estrutura, e vai no Google pedir ajuda. Enquanto você faz isso, o alemão vê seu embaraço e começa a falar em inglês com você; isto se ele não tiver ido embora, porque você demorou demais. Ele até queria te ajudar, viu que você era estrangeiro, foi bacana e amável, mas você demorou demais… e você acaba de perder uma oportunidade de ouro de utilizar o que aprendeu.

A dependência do celular pode ser um problema no aprendizado de uma língua. Porque a gente só aprende uma língua usando, automatizando, experimentando – e o celular pode ser uma forte ferramenta para este aprendizado, mas ele também pode ser a muleta que pode deixar o paciente com sequelas por mal uso.

Aqui vão algumas dicas do bom uso da tecnologia:

Quando devo evitar usar o celular:

  • Em uma primeira leitura de um texto, principalmente se ele é pequeno. Passe os olhos sobre o texto – ou melhor “überflieg den Text” – sobrevoando o texto com os olhos ; )  Assim, você terá as primeiras impressões do texto. Observe as fotos, o título, note palavras chave, não encuque com as palavras que você não conhece, faça valer as que você já conhece e estudou. Tente resolver as questões com o que você já sabe
  • Se a professora está conversando com o grupo, se os colegas estão se apresentando, não se distraia no celular, mesmo que você esteja procurando coisas relacionadas à aula. O momento de ouvir os colegas é uma oportunidade para treinar a compreensão auditiva, aumentar o vocabulário e refletir sobre como você teria vontade de responder àquela questão/como vai responder àquela questão
  • Ao realizar alguma tarefa escrita, tente usar o vocabulário do livro didático e aquele que você aprendeu em sala de aula. É muito bom procurar informações novas na internet, mas a tarefa serve para averiguar se você registrou o que foi dado em aula. O Google é uma maravilha, mas o Google tradutor é uma desgraça para fazer frases erradas em alemão. A dica novamente é “gastar” o vocabulário que você aprendeu nos livros, no curso, aquele que você já conhece.

A dependência do celular pode fazer com que você perca fluência na língua, se sinta inseguro ao falar. A segurança que a tecnologia dá é ilusória, é preciso se arriscar a falar, mesmo que às vezes você irá falar errado – é assim que a gente aprende!

E quando utilizar o celular/internet?

  • Ouça música, aproveite e procure a letra pra cantar junto
  • Você já leu o texto e fez a tarefa em sala de aula. Os outros alunos ainda precisam de mais tempo? Não procure todas as palavras que não entendeu, mas as que parecem chave para o tema. Outra opção é ler alguma notícia em alemão. (veja o site da dw.com ou nachrichtenleicht.de)
  • Curta páginas no Facebook sobre estudo de alemão. No Facebook você encontra alunos com dicas, sites de estudo, nossa página (clique aqui para conhecer) , jornais alemães e muito mais.
  • Baixe aplicativos de estudo – o Goethe tem alguns de graça, o Duolingo é muito bom, dicionários e muito mais

Então, querido leitor, aproveite mais o momento da aula para se comunicar, ouvir, porque isso não dá pra fazer sozinho em casa. Interaja com seus colegas em alemão em sala de aula, mesmo nos níveis mais básicos. Pense em frases-chave que você sempre utiliza, mesmo se for pra falar “Gesundheit” ou “ich habe eine Frage”.

Gaste o alemão e aproveite cada oportunidade de aprendizado!

Bis bald e bons estudos!

Teresa